Ubiqui | Plataforma promete reduzir custos com metadados
786
post-template-default,single,single-post,postid-786,single-format-standard,ivan-vc-enabled,_masterslider,_msp_version_2.29.0,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1300,qode-content-sidebar-responsive,columns-4,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-4.12.1,vc_responsive
 

Plataforma promete reduzir custos com metadados

Plataforma promete reduzir custos com metadados

Ferramenta começou a ser desenvolvida em 2014 e está em operação desde março

A gestão de metadados ainda é um dos grandes vilões do mercado editorial brasileiro. Foi pensando nisso que Rafael Schäffer criou a Ubiqui, uma plataforma que promete redução de até 70% nos custos de cadastro de livros, sejam eles impressos ou digitais. A ferramenta começou a ser desenvolvida em 2014 e entrou em operação em março passado. O que o Ubiqui faz é estandardizar os dados conforme os padrões de cada uma das 200 livrarias (físicas ou on line) com as quais a ferramenta conversa. A redução, nas contas de Schäffer, é graças à economia de tempo, de trabalho e de pessoal que as editoras têm ao assinar o serviço. Pelo painel de controle da Ubiqui, a editora faz um único cadastro e a ferramenta distribui o cadastro conforme as necessidades e o sistema (Onix, XML, CSV, TXT ou Excel) de cada livraria, dispensando a necessidade de refazer o cadastro para cada varejista. “Há uma redução real no tempo de cadastro. Além disso, o sistema faz a checagem se o livro está nas livrarias, acessa os links e quando há qualquer alteração no cadastro nas livrarias, o sistema é avisado”, garante o desenvolvedor. A remuneração da Ubiqui é feita pela quantidade de livros hospedados. Até 500 títulos, é cobrado um preço pela faixa de hospedagem. A partir de 500 cadastros, é cobrado um valor unitário.

Fonte: Publishnews